Salem 3×01: After the Fall [Season Premiere]

20
1149

Lembro-me do ano do final de 2013 e “início” de 2014, quando tivemos uma verdadeira febre wicca no mundo das séries. No ano de 2013 tivemos AHS Coven e Witch of East End, e ao termino das atuais temporadas das séries citadas, se iniciou Salem. Como as outras duas histórias eram contemporâneas, dei o mérito a Salem por abordar a cidade de antigamente. Lembro que todos falavam o qual ela era fraca, ou que faltava o elemento “magia” na série, mas ao passo que a série ia evoluindo, percebemos que a série não seria um Harry Potter da vida, mas sim uma história sombria e na qual o mais esperto venceria, seja bruxa ou não.

Na segunda temporada, tivemos uma série que retorna de forma triunfal, com um ritmo mais frenético e agora explorando, de forma mais profunda, seus personagens. A guerra das bruxas para trazer o tão amado mestre para Salem deu a tônica a esta temporada que foi recheada de intrigas e muito sangue.

Então chegamos a terceira temporada e sua Season Premiere, e tenho que dizer que eu não sei o que falar do que eu acabei de ver. Foram tantas informações passadas, tantos personagens sobre nova ótica, que me deixou sem palavras.

“Apenas saiba que este laço não está no meu pescoço, mas sim no de Salem”

Salem sempre se mostrou uma série ousada, que não tinha medo de explorar e que não tinha pena de seus protagonistas. Matar Mary logo na segunda temporada foi algo que não era esperado, ainda mais sabendo que tinha mais história para contar e isso foi um soco no estômago na época.

Logo no início comecei a pensar “e agora, o que vão fazer para retornar com a Mary”? E isso me lembrou Buffy, que na sexta temporada fizeram um ritual para o retorno da mesma. E Salem seguiu nesta mesma fórmula, mas mais interessante é ver que as bruxas Essex, perceberam que todos os planos que elas tinham com o mestre, não passou de uma perfeita ilusão, e que Mary era a única que poderia salvar a todos. O ritual de ressurreição foi muito legal e bem feito, com os efeitos especiais espetaculares, com as plantas circulando todos que estavam presentes no ritual. Simplesmente lindo de se ver.

Não está sendo fácil. Salem --- After the Fall [Season Premiere]
Não está sendo fácil. Salem — After the Fall [Season Premiere]
Mas por falar em personagens que morreu, ou pelo menos que eu acreditava que estava morta, Tituba está viva, e não apenas isso, agora ela é o novo Petrus. A sua cegueira foi que a fez abrir os olhos para o novo mundo, o da clarividência, já que ela engoliu os olhos de Petrus. Tituba realmente reconheceu que cometeu um erro se voltando contra Mary, pois tudo ela que fez foi em vão, já que todos irão padecer diante do mestre.

Brincadeira de criança, como é bom
Brincadeira de criança, como é bom

Outra personagem que voltou, e que eu tenho um amor eterno por ela, Mercy. Ela finalmente conseguiu um lugar para proteger aqueles que não tem o seu lugar, pode-se dizer que está conseguindo salvar as almas oprimidas de Salem, mas não só isso, ela as ajuda de forma que essas garotas também a ajude. Perceber que Mercy tira o sangue das garotas de forma voluntária foi algo bem sacado, já que, acredito eu, elas fazem isso como gratidão por terem sido ajudadas.

A cena que Mercy utiliza um feitiço contra o tio de Alice foi bem angustiante, com os ossos quebrando e dando um close em cada parte destruída do homem. E é neste ponto que Salem brilha ainda mais, pois o horror da série é mais gráfico, com sangue, feridas, corpos putrefatos, membros quebrando, e é mostrado de forma nua e crua, o que é um grande ponto positivo para série.

Controlando minha maluquez, misturado com minha lucidez.
Controlando minha maluquez, misturado com minha lucidez.

Na outra ponta, temos a bruxa mais instável de Salem, Anne Hale, que agora se mostra um perigo até para si mesma. Ela sempre foi uma bomba relógio, mas agora ela se mostra completamente instável tanto psiquicamente quanto afetivamente. O amor que ela sente por Cottom, já se tornou algo doentio, obsessivo. Assim como ela já deixou bem claro que sente um ódio enorme tanto por John Alden quanto por Mary Sibley, devido a tudo que aconteceu com Salem e com ela. E sejamos sinceros, Mary nunca se importou com os danos colaterais que poderiam surgir com suas atitudes, e agora ela tem que arcar com dois desses danos, Mercy e Anne.

Dos homens de Salem, só três se destacaram neste episódio. Isaac deixou de ser o bobo controlado pelas bruxas, e agora é um homem que também sabe manipular. Ele conseguiu trazer os refugiados para dentro de Salem, bem como conseguiu fazer a população salvar John. Isaac sempre foi um personagem interessante, mas acredito que nesta temporada ele pode dar uma guinada ainda maior, já que agora ele deixou de ser uma reles vítima.

Sebastian, agora é o braço direito do mestre, mas mesmo assim ainda sofre com perda de sua amada e, por mais estranho que pareça, de sua mãe também. E pelo que deu para ver, ele não vai medir esforços para conquistar o que quer. O que me levanta a seguinte questão, ele vai se voltar contra o mestre quando a Mary retornar, assim como fez com a sua mãe? Vai ser interessante.

Também devo destacar Oliver Bell, o mestre, pois na segunda temporada sua atuação era sofrível, beirando ao patético, mas nesta terceira suas expressões ainda são um pouco forçadas, mas conseguem convencer e dar a imponência que o personagem exige. Eu tinha receio de que o grande vilão da terceira temporada pudesse ser comprometido pela atuação dele, mas até o presente momento está tudo bem.

Mas não é só o mestre que dará dor de cabeça em Salem, já que temos dois exércitos de mortos vivos. Um deles é do lado do mestre, que irá ajudar na aniquilação de tudo. E o outro são os índios zumbis que estão matando outras localidades com os franceses. Esses zumbis são obras do mestre ou estão vindo para se opor? Quero ver os índios que estavam perdidos na segunda temporada, agora interfiram diretamente nos planos das bruxas.

Salem inicia com uma première interessante, que já mostra a nova configuração na qual a cidade se encontra e como os personagens estão. A premissa, ao que parece, tem tudo para nos trazer grande divertimento como a segunda temporada. E como diria o sábio Marilin Manson “Pound me the witch drums”.

> Veredito da 3ª temporada de Black Mirror!

PS1: Os efeitos especiais deste episódio foram maravilhosos

PS2: Eu escrevi demais, se vocês quiserem textos menores, é só avisar.

  • vinland

    Parei ao final da segunda e nao pretendo continuar. Muito lenga lenga essa serie, e tem coisa melhor pra assistir. Paro nessa segunda mesmo.

    • Iury Viana

      Vinland, como vai? Acredito que esta já é a segunda série que eu escrevo e você comenta dizendo que não irá acompanhar, mas no final da uma segunda chance huauhauhahuahuahuauhauauahhuahua.

      Mas entendo seu comentário, Salem, para mim, é um dos melhores seriados com temática de bruxas que tivemos nos últimos tempos. Ela não segue uma linha tão sobrenatural, ela se baseia no desenvolvimento dos personagens e no jogo de interesse de cada um. Acredito que essa terceira temporada possa pegar fogo devido as infinitas possibilidades do que pode acontecer. E se você já viu até a segunda temporada, dá mais um crédito. Assiste mais três episódios da terceira, se não curtir, tu abandona.

      Obrigado por comentar.

  • jorge_lito

    Eu sempre gostei de histórias de terror. E o tema “Bruxa” sempre foi um dos meus preferidos. Crescemos vendo filmes e séries de Bruxas, mas o problema é que muitos tinham tons de comédias ou excesso de drama. O que eu realmente queria ver era o terror propriamente dito. Sim, há alguns filmes de terror, mas eles são tosquíssimos como João e Maria ou a Bruxa de Blair que pra ser sincero nunca causou nada de mais em mim. Também temos o excelente filme A Bruxa do ano passado. E As Bruxas de Salém de Daniel Day-Lewis. Esses dois últimos bons filmes, mas não é o terror que eu procurava.

    O que eu procurava era algo como a abertura da terceira temporada de American Horror Story, Coven que lançou em Outubro de 2013. Aquela abertura ela é assustadora. Não é a melhor, mas é a mais assustadora de todas as temporadas. E eu pensei que Coven seria como a abertura, mas foi uma completa decepção.Na mesma época em 2013 também lançou outra série com a temática “Bruxa” que foi Witches of East End. Essa série de Bruxas do canal Lifetime era mais leve do que eu procurava e mesmo assim eu AMAVA. Fiquei muito triste quando cancelaram na segunda temporada.

    Só que em dezembro daquele mesmo ano (2013) lançou o primeiro teaser da série Salem. Perdi as contas de quantas vezes revi esse teaser, era simplesmente assustador, mostrava as torturas das mulheres que eram acusadas de Bruxas mesmo sem mostrar nenhum ator principal e me programei pra ver Salem.

    Eu tenho problemas com a primeira temporada de Salem. Várias coisas me incomodaram como a demora pra engrenar, o personagem John Alden interpretado pelo péssimo ator Shane West, entre outras coisas. Achei a primeira temporada nota 6 e larguei a série assim que terminou a primeira temporada.

    E ai veio a segunda temporada. Uma série contemporânea que eu assistia, Penny Dreadful, também teve uma temática de Bruxa na segunda temporada e foi MUITO BOM. Mas via muita gente elogiando a segunda temporada de Salem. Três coisas me fizeram voltar a ver Salem, a primeira foi aquele Poster incrível da Segunda Temporada, que convenhamos todos os Posteres dessa série são incríveis, a segunda coisa foi que iria ter Lucy Lawless (Eterna Xena) e a terceira coisa que estava de férias em plena Summer Season e não tinha nada pra assistir. E que decisão acertada. A Segunda temporada é excelente. Penny Dreadful sempre foi superior a Salem, mas tem uma coisa que Salem fez melhor na segunda temporada que foi o RITMO. O ritmo da segunda temporada de Salem é alucinante, não tive problema com quase nenhum episódio, diferentemente da primeira temporada. Penny Dreadful na segunda temporada com o tema “Bruxa” teve uma temporada nota 9 e Salem não ficou muito atrás nota 8. Espero que a terceira temporada mantenha o ritmo se não largarei sem dó mais uma vez…

    • Iury Viana

      Olha, com temática de bruxa, te recomendo assistir “Suspiria” e “Jovens Bruxas” ou “The Craft” no original. E baseado em séries, se você gostou de Witch of East End, também te aconselho assistir Charmed.

      E lembro-me da nossa discussão sobre Penny Dreadful e Salem no post sobre a segunda temporada. Sinceramente, eu acho que o início lento, da primeira temporada, se deu devido a organização do terreno, e a terceira temporada está seguindo neste mesmo ritmo. A diferença é que agora nós conhecemos os personagens, só tem que mostrar como está funcionando esta nova Salem, sem o poder dos Sibley. Eu acredito que está terceira temporada tem tudo para ser similar a segunda temporada, pelo menos eu estou apostando nisso.

      Obrigado por comentar.

  • Marcelo

    Gostei da premiere principalmente pelo efeitos especiais tudo muito bem feito pra uma série que não tem um grande orçamento.

    • Iury Viana

      Pois é, mesmo com pouco se pode fazer algo MUITO decente #aprendefox

      Obrigado por comentar

  • André

    Esperava um pouco mais para um retorno depois de tanto tempo,foi um pouco morno mas necessario pra introduzir os personagens de volta,acredito que com a Mary renascida a partir de agora as coisas vâo esquentar.
    Sdds que eu estava do Isaac,tadinho do Cotton nas mâos da Anne,até tava gostando dela temporada passada mas nâo curto muito esse jeito dela de fazer maldade se fazendo de santinha mas ela teve razâo na discussâo com John Alden,espero que ela abraçe seu lado vilâ totalmente
    Mercy rainha do cabaré adorei,e apesar dela ser mal de um certo modo ela ajuda as pessoas,espero que ela volte a sambar nessa temporada após ter se ferrado tanto nas primeiras duas.
    Quero ver como vâo desenvolvero Sebastian sem a mâe por perto e essa nova Tituba versâo Cordelia de Coven,nunca gostei muito de seus personagens mas acho que eles podem ser mais interessantes nessa temporada.

    • Iury Viana

      Eu juro que iria fazer o paralelo entre TItuba e Cordelia, mas fiquei quieto.

      Anne não é uma pessoa de fato má, só é desequilibrada. Ela não vê o que está fazendo como maldade, mas apenas para ter aquilo que ela quer por perto. Pode ver que no ataque ao John, ela demonstrou uma clara raiva, e assim como Cotton, que ela demonstra ama-lo, Mas como eu disse, é tudo um obsessão. Acredito que ela será a “Sub-chefe” da temporada, impedindo que Mary destrua o mestre. MAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAASSS…. Salem é imprevisível, então tudo pode acontecer =X.

      Obrigado por comentar.

  • Tiago

    Na Season 1 conhecemos a jovem Mary, sua conversão como bruxa e sua missão de completar o rito. Na Season 2 vimos Mary lutar na guerra das Bruxas, concluir o grande rito e no fim morrer. Agora na Season 3, estamos vendo a Mary Sibley renascer mas… Será que realmente veremos a Mary de antes? Acho que não hein! Já que Mary Sibley com alma vingativa destruindo a festa de Diabo e de seus aliados!

    QUE SAUDADES EU ESTAVA DESSA ABERTURA <3

  • Tiago

    Estou curioso também com a papel que a Condessa vai ter nessa temporada, apareceu rápido mas conseguiu me deixar curioso.

    • Iury Viana

      Sinceramente, eu acho que se a Condessa for fazer alguma coisa, ela pode voltar para ajudar a Mary contra o Mestre. Mas acredito piamente que Mary voltará diferente, e será dominada pelo espírito vingativo, como você falou. Mas acredito que isso irá respingar em todos. Anne, a impediu de destruir a Condessa e entregou seu filho para ela, Tituba só aprontou a segunda temporada inteira, Mercy também ajudou no renascimento do Mestre. Ou seja, Mary vai botar fogo nesse cabaré que virou Salem, pelo menos torço por isso uhauahuauhahuahuahuahuauhahuauhahuahu. Acredito que só vai se livrar da ira de Mary o Isaac, Cottom, John e Sebastian, por mais estranho que pareça.

      Obrigado por comentar.

  • Bruno

    Eu adoro essa série, mas não conheço mais ninguém que sequer saiba que ela existe. Não sei se passa em algum canal do Brasil.
    Eu, particularmente, odeio a Mercy e nada que ela faça me faz mudar de ideia.
    Espero que Isaac tenha mais destaque.
    Não entendo esse amor da Anne pelo Cotton. Não lembro de nada que ele tenha feito pra ser tão amado assim.. Esqueci de algo?
    A música da abertura é muito boa!

    • Iury Viana

      Mercy eu amo por ser completamente pirada. Na realidade o quarteto feminino de Salem são ótimas. E sim, Salem já passou na Band, e eu achei a dublagem bem fraquinha, mas acredito que foi devido ao fato de já ter visto legendado e tal.

      Anne sempre foi louca por ele, desde segunda temporada, tanto que ela fez um feitiço do amor para que ele pudesse ser dela. E isso começou ainda mais depois que Gloriana foi embora (SDDS Gloriana).

      E a bendita dessa música me fez baixar o cd do Marilyn Manson inteiro… Amo demais ela

      Obrigado por comentar.

  • Fernando Oliveira

    EU AMO ESSA SÉRIE. Não entendo pq ficam comparando com Penny Dreadful. Fui assistir ela por curiosidade e apesar dela ser bem interessante nem se compara com Salem. Muita enrolação e drama demais. Só não abandonei pq gosto do Dorian Gray kkkkk

    • Iury Viana

      Tu gostou do Dorian? O personagem mais sem fundamento dentro da série? Tudo bem, respeito o seu gosto. E quanto a comparação das duas, é por serem as duas melhores séries de terror que passam nos últimos tempos. E fora que na segunda temporada as duas esquentaram.

      E Penny não é enrolação, mas sim um aprofundamento mais poético, com nuances mais psicológicas. Pena que a terceira temporada meio que jogou tudo no vento, mas ainda considero como uma série boa.

      Entretanto, para mim Salem é melhor uhauhauhahuauhhuhuahu

      Obrigado por comentar.

    • Fernanda :)

      Na verdade, dá pra fazer vários paralelos entre Salem e Penny Dreadful. As duas são séries de terror/fantasias ambientadas em séculos anteriores, as protagonistas possuem grande poder mas são tentadas por um lado sombrio, Satã ama as duas haha. Aí nas duas segundas temporadas, o único personagem negro de ambas morreu (eu achava q ambos iam ressuscitar, mas só salem trilhou esse caminho criativo), tivemos abordagens sobre o papel das mulheres na sociedade da época e em ambas uma vilã bruxa que tinha como motivação servir ao diabo em troca de rejuvenescimento e poder, que ‘morreu’ no fim da temporada 🙂

  • sidimar flora (Gordinho)

    A serie é muito boa mesmo estau assistindo á primeira temporada, mais ki pena que não tem á segunda temporada dublado,vou ter que criar coragem pra assistir á serie legendada kkkkkkkk.

    • Iury Viana

      Legendado é infinitamente melhor que dublado #ficaadica

      Obrigado por comentar

  • Carolina Favero

    Eu amoo essa serie mas mesmo se fosse ruim assistiria só pela abertura hahah. Vale lembrar que a condessa tbm esta fazendo ash vs evil dead quando sera que ela aparecerá em salem em espero que logo pq amo a personagem

    • Iury Viana

      Acredito que ela só deva aparecer do meio para o fim, isso se aparecer. Deve fazer apenas uma participação ou algo assim. Mas gostei muito do lance de poder trazer ela de volta quando bem entender, afinal Lucy Lawless é uma ótima atriz

      Obrigado por comentar.