Supernatural 12×05: The One You’ve Been Waiting For

21
1819

The One You’ve Been Waiting For tinha o potencial para ser mais um ótimo filler dessa temporada, mas infelizmente, por motivos que citarei mais a frente, ele não o foi. Sempre será divertido ver Sam e Dean matando nazistas (principalmente se for o próprio Hitler) em SPN, eu confesso, mas se isso tiver o mínimo de coerência com a própria mitologia da Sociedade Thule na série.

O episódio dessa semana não acrescentou em nada na trama da temporada. Isso, vale ressaltar, nem sempre é algo ruim, como vimos, por exemplo, em American Nightmare (a não ser que se torne algo recorrente, é claro). Na realidade TOYBWF (preguiça de escrever o nome: sim ou com certeza?) sequer citou os Homens das Letras, tendo, inclusive, apenas a cena inicial envolvendo Mary Winchester.

O foco foi o retorno da Sociedade Thule e o imprevisível (sem dizer mal explicado e, principalmente, mal formulado e finalizado) retorno de Adolf Hitler. Algo que me incomodou bastante nesse episódio, mais até do que a maneira com a qual a trama se desenvolveu, foi a falta de coerência dos Thule com o próprio Hitler. Se o grupo era tão fanático pelo líder (como sempre vimos em temporadas anteriores) por que diabos eles foram ressuscitá-lo apenas agora?

Essa é uma pergunta interessante e foi o meu primeiro pensamento ao ver o episódio. A Sociedade Thule aparece na série desde a oitava temporada (corrijam-me se eu estiver errado, por favor), continuando a cruel caça aos judeus e aqueles com pensamentos divergentes a Hitler e o nazismo. O grupo possuía integrantes de alta patente, poderosos e inteligentes o suficiente para saber da existência do artefato que continha a alma do führer. Mas aí fica o questionamento… Porque então o grupo nunca sequer mencionou o objeto?

Porque esse não foi o propósito deles desde o princípio? Porque só agora o tal general caçou a última descendente sanguínea de Hitler? Foram diversas perguntas que surgiram ao longo do episódio, sendo que nem metade fora respondida. A ideia de inserir o líder dos nazistas era até “aceitável” (mostrando conexão e coerência com os Thule), mas, infelizmente, TOYBWF parece ter sido mais um episódio desnecessário, para, vulgarmente falando, “encher linguiça”, com quarenta minutos perdidos, um misto de absurdo, insanidade e besteirol.

Não vou nem falar da atitude de Hitler ao renascer… Entendo que o intuito dos produtores/roteiristas era de fato ridicularizar o führer (até apoio, ri bastante), mas, venhamos e convenhamos, que todos nós esperávamos pelo menos um pouquinho mais de prepotência e, for God’s saque, uma simples ameaça aos Winchesters! Hitler parecia mais uma criancinha de dez anos de idade brigando com os pais por um pirulito…

Até um unicórnio, palhaços e fadas já causaram mais problemas e danos a Sam e Dean. Realmente não há muito o que dizer, ao meu ver (vale lembrar sempre que essa é apenas a minha opinião, vocês têm todo o direito de amar o episódio) a dinâmica desse episódio foi, resumida em apenas uma palavra, deplorável. Resta-nos, então, apenas aguardar por Celebrating The Life Of Asa Fox (o próximo episódio), com o tão esperado retorno da matriarca da família!

And the MVP is… Dean Winchester!
Supernatural --- The One You've Been Waiting For
Supernatural — The One You’ve Been Waiting For

Dean matou Hitler… Preciso realmente dizer mais alguma coisa? O episódio pode não ter sido lá essas coisas, mas caramba… Ele matou Adolf Hitler, a cabeça do nazismo! Dean com certeza “zerou a vida” depois dessa.

Referências, observações e detalhes sobre o episódio

– Tem algum problema de memória, como eu provavelmente devo ter? Não se lembra do Aaron Bass ou da Sociedade Thule? Não entre em pânico! Tenha uma toalha em mãos (um brinde surpresa pra quem entender a referência), pare de comer queijo ou clique aqui (para o personagem Aaron) e aqui (para o grupo) e seja feliz novamente.

– O título do episódio faz referência não apenas à morte de Hitler, mas principalmente ao lança-granadas guardado no Impala. Desde a primeira temporada a arma aparece na mala do carro, mas até hoje ela nunca foi utilizada por Sam e Dean. Será que a veremos em ação em breve?

“Nazistas. Eu odeio esses caras” fez referência ao filme “Indiana Jones e a Última Cruzada”.

– Último, porém não menos importante, SPN citou mais uma vez Harry Potter. Existe algo melhor do que ver uma de suas séries mais queridas homenageando a sua obra literária favorita? Não, não existe! As Horcruxes eram objetos mágicos que abrigavam pedaços da alma de Voldemort, o que caiu muito bem no episódio por não apenas utilizar o relógio de bolso de Hitler, mas, principalmente, pela incrível comparação do líder nazista ao bruxo das trevas de HP. Muito bem feito!

  • Vitner Santos

    Eu que amo a série tenho que concordar que esse episódio foi um dos mais fillers que ja vi na vida…

    • Vinícius Fernandes

      Também amo a série, mas esse episódio foi bem complicado, quase dormi.. Os dois anteriores foram muito bons, ao contrário desse.

  • Luis Carlos

    Pior episódio da série, amo a série demais mas estou pensando seriamente em abandona-la.

    • Vinícius Fernandes

      Não abandone, Luis! Primeiro, pois foi apenas um episódio, os anteriores foram bem interessantes, então pode melhorar. Segundo: perderei um leitor e a chance de receber sua opinião do episódio. Todas valem muito, é a parte que eu mais gosto em ser reviewer. Enfim, te aguardo nos próximos caso resolva continuar! 🙂

    • Carlos

      Pior nada. Bugs(S01E08) é o pior. O próprio Carver Edlund na temporada passada admitiu isso kkk

      • Vinícius Fernandes

        Se for o “Bugs” que eu estou pensando ele foi realmente bem triste e uma grande porcaria.. hahaha

  • Bel Ribeiro

    Só me empolguei mesmo com a presença da Gigi (cadê os entendedores?) e com Dean matando Hitler, de resto…

    • Vinícius Fernandes

      Eu não entendi essa referência.. =/

      • Bel Ribeiro

        A atriz do episódio interpretou Georgiana ‘Gigi’ Darcy na websérie The Lizzie Bennet Diaries, uma adaptação de Orgulho e Preconceito. Ela também já participou de The Flash.

        • Vinícius Fernandes

          Sabia que tinha visto ela em algum lugar.. Em Flash!

  • Achei divertido. DEAN. MATOU. HITLER. Não preciso dizer mais nada sobre o episódio.

    • Vinícius Fernandes

      Não me entenda mal, Peter, eu também achei divertido, principalmente por ele ter matado Hitler. Mas infelizmente parou por ai, de resto foi bem fraco, ao meu ver =/

  • Fábio Santos

    Eu entendi a referência, meu amigo mochileiro. Tô esperando o brinde. kkkkkkkk

    • Vinícius Fernandes

      Droga, não imaginava que fossem acertar e/ou comentar.. Ainda não pensei no brinde, então aguarde o próximo review, Fábio! hahaha

  • Rafael

    Cinco episódios na temporada: um que eu gostei, dois que eu não gostei e dois que eu não consegui assistir até o final. Tá dureza a temporada…

    • Vinícius Fernandes

      Infelizmente está assim mesmo! (apesar de eu ter gostado de mais episódios que você, Rafael rs). Valeu pelo seu comentário, até o próximo! 🙂

  • João Carlos

    Que vergonha falar que isso veio SPN. Parece que eles tentaram fazer uma comparação com o Hitler e o resultado das eleiçoes dos EUA, mas mesmo assim nada funcionou.

    • Vinícius Fernandes

      Pois é, João, pois é.. Achei até estranho, o filler anterior foi bem legal, mas esse, sem comentários.

  • Pedro Duzzi

    Ri o episódio inteiro. Muito ruim!!! Huahuahuaha

  • Dario

    Horrível, valeu só pelas atriz parente do Hitler, que gata!

  • Arnaldo Jumem

    Me dói até a alma em dizer que esse episódio foi ruim (e foi muito ruim) porque eu praticamente pendurei ele na lista dos bons episódio e estava apenas aguardando a exibição pra confirmar.
    Sabe aquele bolo que você coloca todos os ingrediente certos, faz tudo de forma impecável, mas no final você de cara sabe, ao sair do forno, que ele está solado? (Não que eu não goste de bolo solado, pelo contrário), mas “The One You’ve Been Waiting For” foi pra mim o bolo solado que eu não teria gosto nenhum em comer. Nem o que era pra ser divertido foi tão divertido assim. E um dos episódios com maior potencial deste inicio de temporada foi direto do forno pra lixeira. Tendo disto isso, com toda tristeza que eu preciso dizer: Belíssima review Vinícius.