Será que todos os spin-offs, remakes e adaptações são porcarias? Onde está a criatividade dos produtores e roteiristas? Por que temos tantos reboots e filmes que estão virando séries? Essa o tema principal do SM► dessa semana. Participe da conversa e deixe nos comentários a sua opinião sobre os spin-offs e se você tiver algum favorito, não tenha vergonha e compartilhe conosco. E já sabe, curtiu o vídeo? Clica no joinha do player do YouTube e não seja lerdinho, inscreva-se no canal clicando aqui para não perder nada.

  • NowSilva

    Spin-offs são em sua grande maioria desnecessários. Remakes variam muito da série em questão. Se for algo que marcou, um remake é sim muito bem vindo em minha opinião.

    • Concordo, sou sempre mais pé atrás com spin-offs.

  • VALERIANA BARROS

    Morri com as cenas pós créditos.kkkkkkk

    • Kkkkk zueira pra que é amiguinho e asiste até o final 🙂

  • Priscilla Arradi Martins

    Private Practice, meu Spin off favorito

  • Su

    Penso que qualquer dessas opções (remake, adaptação, spin-off, reboot) pode ser muito válida e, usando com parcimónia, pode trazer uma boa série com potencial de ter já uma grande fase de fãs que vai com certeza pelo menos conferir o piloto.

    O problema neste momento é o exagero com que isso é utilizado! Virou tão lugar comum que quase ficamos com a sensação que não há mais séries originais, tudo é remake, reboot, spin-off, adaptação de filme, adaptação de livro, cópia de sei lá mais o quê e isso nos deixa de pé atrás com todas essas séries pois temos a sensação que é uma jogada desesperada de quem não quer arriscar ou pensar muito para encontrar a nova mina de ouro, e tenta enfiar pela goela dos fãs qualquer coisa já mastigada para ter retorno fácil.

    Mas claro que a qualidade e plausibilidade de cada série tem que ser avaliada por si mesma, como em qualquer outra série, seja original ou não. Excelentes séries já foram feitas nesses formatos. Falando de exemplo recentes, estou a adorar Game of Thrones e Outlander (ambas adaptações de livros). Tenho seguido quase tudo o que é adaptação de super heróis e afins: adoro Agents of SHIELD, Agent Carter, Jessica Jones, Demolidor, Gotham, entre outras. Lembro-me que no tempo em que The Vampire Diaries era boa (adaptação de livro), fiquei com muito medo do spin-off só com os vampiros originais, hoje em dia The Originals é das séries que mais gosto e supera com folga a série base que já devia ter terminado há muito tempo. Estou super curiosa com o regresso de Prison Break mas também um pouco apreensiva foi ficamos sempre com medo de estragarem aquela boa imagem que ficou de uma série querida. Ah, e uma das minhas séries favoritas foi Legend of the Seeker, adaptação de uma saga de livros de fantasia que fui conferir depois de ver a série. Vi outro dia o filme 12 Macacos e fiquei com bastante curiosidade de ver a série pois dizem que é boa, mas ainda não tive oportunidade. Quanto aos remakes, se são de séries muito antigas, é uma coisa, se são de séries estrangeiras, confesso que tenho ficado com mais curiosidade de conferir as originais, até para diversificar mais a minha lista culturalmente. A minha opinião pessoal sobre isso é que pegar numa ideia e adaptá-la livremente à cultura de um país pode ser algo interessante, copiar toda a história apenas mudando o cenário e os atores é desnecessário…

    No geral diria que as que considero que têm mais potencial (embora claro cada caso seja um caso) são as adaptações de livros porque quando bem feito, é muito empolgante ver uma história sair do papel e ganhar vida no formato audiovisual. Adaptações de filmes ou outras séries já ficam à partida mais copiadas e é mais complicado fazer-se algo que impressione e que tenha razão de ser, já existindo o material original. Spin-offs depende de haver realmente alguma história com valor para contar no mesmo universo ou se pura e simplesmente se está aproveitar a boleia de algo de sucesso para fazer render o peixe.

    • É isso aí, o problema é que daq a pouco só teremos spin-offs e afins na TV.

      • Bruno Sousa

        Você esqueceu de Major Crimes, que é (quase) tão boa quanto a original, The Closer. :)))

        Parabéns pelo vídeo. Adorei!

  • Matheus Maggi

    Coisas boas:

    Adaptações de filmes: 12 Monkeys, Limitless
    Spin-off: ??
    Remake: Being Human US, Battlestar Galactica
    Adaptação de livro: The Expanse

    • Pena que Limitless foi pro saco. Gostava muito 🙁

  • O grande problema é só ter remake/reboot! Po, eu quero ver coisa nova!!!

  • O problema é acharem que apenas por ser o remake/reboot/ adaptação/ spin-off de uma franquia famosa será o suficiente para agradar o público, e ai fazem algo medíocre, bem genérico e sem identidade alguma. O melhor exemplo disso foi a série Constantine, adaptações de quadrinhos estão em alta, Constantine é bem sucedido e tem uma boa base de fãs, ai acharam que apenas isso seria receita para uma série de sucesso. A impressão que dá é que os canais de TV acham que apenas a fama de uma franquia consagrada usada para alavancar uma produção nova será o suficiente para gerar uma série de sucesso, independente da qualidade da série estreante, e não é bem assim.

    • Bem verdade, os canais estão mega dependentes desses formatos.

  • Alan

    O único problema é qualidade, se for boa as críticas serão menores, se for ruim quase todos vão reclamar que falta criatividade no EUA.

    Spin-off eu acho desnecessário, pois tudo da série deveria morrer no final dela, por mais que um assunto ou um personagem tenha sido interessante. The Wire, série que eu mais gosto, dava para fazer alguns spin-offs, mas acabou ali, mesmo mostrando que a história ia continuar, mesmo sem saber o final de alguns personagens.

    Reboot de séries com menos de 20 anos de existência eu acho desnecessário e eu não teria paciência para ver. Reboots de séries antigas eu acho válido e não acho que seja desespero das televisões para ganhar audiência.

    Adaptações de livros e quadrinhos deve acontecer com mais frequência, mesmo não sendo nem um pouco fã de quadrinhos, sei da importância. Várias excelentes séries e minisséries da HBO são adaptadas de livro.

    Adaptações de filmes eu também acho válido, esse sendo do ano passado ou de 1940, novamente, se for bem feito, só agrega. Room, por exemplo, daria uma excelente série de três temporadas.

    Por último, adaptações de séries de outros países do mundo, eu acho válido também e ainda ajuda a divulgar a série original.

    • Mas fala se vc não assistiria um spin-Off do Omar jovem. Rs Eu ficaria super curioso.

      • Alan

        Kkkkk com certeza iria ver

  • Fernando d.S.

    Existem alguns remakes e spin-off que dão certo.
    O remake de Battlestar Galactica é muito melhor que a série original. O remake americano de The Office é tão bom quanto a série original britânica.
    Law & Order:SVU é um spin-off elogiadíssimo.
    Frasier é outro spin-off que deu muito certo.

    • Todos fantásticos exemplos, concordo totalmente. Adicionaria ainda Shameless como um remake que bate a versão original.

  • edujakel

    Uma coisa. Gosto das imagens que entram na tela. Mas elas entram exatamente onde estão os quadros de TWD e GoT. Então toda hora eu pensava que o exemplo era TWD.

    Parabéns o
    SM Play está muito bom.

    • Interessante isso dos quadros. Vamos ficar espertos, valeu 🙂 Ps. Curte lá no Player do YouTube que eu sei que vc não curtiu. Rs

      • edujakel

        Eu me inscrevi na página. Mas esqueci de curtir o vídeo. Curti quase todos lá agora. Rs

  • edujakel

    Terra Nova foi tarde. Quem reclamou disso?

    • Foi a série mais citado para minha surpresa.

      • Matheus Maggi

        Terra Nova foi a série que comecei com essa vida, e sim, gostaria dela de volta!

  • Anatoli Andrei

    Um dos poucos spin off ou série própria que sempre quis foi do Ari Gold de Entourage, o resto nada me animou até hoje.
    Não tenho opinião sobre remakes, se for parar para pensar House of Cards é tão bom ou até melhor que a versão britânica/literária entre outros exemplos já citados, sei lá…

    • Nossa, o spin-off do Ari era o meu sonho. Funcionária super bem!

  • Lara Albuquerque

    Fiquei passada com o cancelamento de The 4400.

  • Rafael

    Algumas séries que eu vou citar não são do meu agrado pessoal e
    outras acabaram se perdendo pelo caminho, mas todas são exemplos de
    série adaptadas ou remakes que tiveram momentos de qualidade:

    Filmes: 12 Monkeys, Ash vs. Evil Dead, Fargo, Friday Night Lights, Les
    Revenants, Nikita, Stargate, Teen Wolf, The Young Indiana Jones
    Chronicles.

    Hqs: Daredevil, Gotham, Jessica Jones, Smallville, Supergirl, The Flash, The Killing.

    Reboot / Remake de série: Homeland, Shameless, The Bridge, The Office.

    Livros: Bones, Dexter, Game of Thrones, Gossip Girl, Hannibal, House of Cards,
    Justified, Longmire, Parade’s End, Roswell, Sex and the City, Sherlock, Shetland, Strike
    Back, The 100, The Crimson Petal and the White, The Expanse, The
    Leftovers, The Man in the High Castle, The Shannara Chronicles, True
    Blood, The Vampire Diaries, Wallander, Wayward Pines.

    É cedo pra opinar, mas também gostei das estreias de Outcast e Preacher.

  • Cida Lima

    Meu remake mais odiado foi Nikita, lembra, La Femme Niktia com Peta Wilson e Roy Dupois? Pois então, eu amava o Michael e a Nikita, e pensei, por que não? Vamos lá ver no que dá. Não passei do primeiro episódio. E o pessoal adorou. Ok! Estou sendo discriminatória, vamos de novo. Não, não teve jeito. Esqueceu os spin-off de Lei e Ordem, mas tudo bem, foram mais temporadas recordes do que spin-off. E devo dizer que sou uma mente aberta, sempre dou uma chance aos spin-off, remakes, reboots. Mas vai lá, assista o Psicose original e depois o remake e tenta não ter um ataque cardíaco ou jogar alguma praga sobre mim por ter aceito minha sugestão.