[Exclusivo] Conversamos com Shawn Hatosy de Animal Kingdom

13
541

A convite do canal AMC, o Série Maníacos foi o único veículo brasileiro, que teve a oportunidade de entrevistar o ator Shawn Hatosy, um dos protagonistas da série Animal Kingdom, que chega ao Brasil amanhã, dia 9 de outubro, às 22h.

Animal Kingdom acompanha Joshua “J” Cody (Finn Cole), de 17 anos, que vai morar com sua avó e seus tios em uma pequena cidade litorânea do sul da Califórnia após a morte de sua mãe por overdose de heroína. A família, de quem o menino estava afastado há anos, é liderada por Janine “Smurf” Cody (Barkin), a avó de J. Baz (Speedman) foi adotado pela matriarca quando era adolescente e virou seu braço direito. É o mais sensato do grupo.

Os filhos da família Cody em Animal Kingdom

Pope (Hatosy) é o filho mais velho de Smurf e acabou de sair da cadeia. Ele pode ser um pouco ameaçador e mentalmente inconstante. Craig (Ben Robson) é o filho do meio e um hiperativo usuário de drogas recreativas. Finalmente, há o perturbado e desconfiado Deran (Jake Weary), o “bebê” da família.

Shawn Hatosy em Animal Kingdom
Shawn Hatosy em Animal Kingdom

A série é um remake do filme australiano de mesmo nome e foi produzida para a TV por John Wells (Southland). A 1ª temporada foi composta por 10 episódios e Animal Kingdom já foi renovado para a 2ª temporada, prevista para 2017.

A entrevista foi feita por telefone e você pode conferir a transcrição do áudio logo abaixo.

Michel Arouca – Olá Shawn, tudo bom? Parabéns pelo sucesso da série e pela renovação. Eu já assisti a todos os episódios da 1ª temporada e gostei bastante.

Shawn Hatosy – Muito obrigado Michel, está sendo muito divertido fazer parte de um projeto tão bem-sucedido como Animal Kingdom.

MA – Como foi pra você interpretar o irmão mais esquisito e amedrontador dessa família de foras da lei? Pope possui um lado negro muito explorado durante os episódios e eu fico me perguntando se toda essa intensidade acaba sendo um processo legal ou desgastante na hora de atuar.

SH – Tenho que confessar que foi realmente desafiador interpretar um personagem tão obscuro como Pope. É interessante que mesmo você vendo todas as coisas absurdas e horríveis que ele faz, ainda existe aquele sentimento de empatia pelo personagem. Você fica chocado, mas não sente uma aversão por Pope. Eu até sinto pena por ele às vezes.

MA – E me fala uma coisa, quando você topou fazer parte de Animal Kingdom, você teve aquele sentimento de que estava embarcando em um sucesso? Estava na cara só de ler o roteiro que essa era uma série diferenciada ou você manteve uma certa cautela?

SH – Essa é uma pergunta muito boa, porque eu sou um grande fã do John Wells, nosso produtor executivo e eu já havia trabalhado com ele em uma outra série chamada Southland, que era fantástica, mas nunca foi um grande sucesso de audiência. E isso foi muito frustrante na época, pois nós sabíamos da qualidade da série, mas ela nunca marcou grandes números. John Wells é o rei em criar bons personagens, então eu já sei que estou embarcando em algo de extrema qualidade e com todos os elementos para ser um grande sucesso. Com Animal Kingdom, eu notei logo de cara que era uma série muito comercial, de grande apelo. Temos pessoas bonitas por todos os lados fazendo coisas malucas, surfando e cometendo crimes. Tentar prever se algo vai ser bem-educado é complicado, mas eu sabia logo de cara que estava diante de algo diferenciado.

MA – Shawn, eu amava Southland e fico muito feliz com essa mini-reunião que vocês fizeram em Animal Kingdom juntando C. Thomas Howell, John Wells e você. Eu até cheguei a entrevistar o Ben McKenzie e a Regina King em 2011 quando eles viram ao Brasil divulgar a série. Sempre abro um sorriso quando assisto a um episódio de Animal Kingdom e lembro de Southland.

SH – Isso é muito legal. Eu amo o elenco de Southland e fico muito feliz em ver todo mundo fazendo sucesso em outras grandes séries como Gotham, American Crime e The Walking Dead.

MA – Você é um série maníaco? Quais são suas séries favoritas atualmente?

SH – Sim, eu assisto várias séries. Uma das melhores que assisti nos últimos meses foi The Night Of.

MA – Você continuo assistindo Fear The Walking Dead depois da sua participação na 1ª temporada?

SH – Não, eu só assisti a 1ª temporada mesmo, mas eu encontrei a Kim Dickens recentemente e ela disse que iria conversar com os produtores para eu voltar, já que meu personagem não morreu. Outra série que eu gosto muito é Game of Thrones. Você assiste?

MA – Com certeza, é uma das minhas favoritas.

SH – Eu também. Aqueles dois últimos episódios da temporada passada são provavelmente os melhores que já assisti em qualquer série. Parecia um filme.

MA – Sempre que alguém me pergunta sobre Animal Kingdom, eu digo que é como se fosse uma mistura de Sons of Anarchy com o primeiro filme Caçadores de Emoção. O que você acha dessa resposta? Faz sentido?

SH – Gostei. É uma ótima comparação, ainda mais porque ambas as referências são muito boas. Sem falar nesse lance de família disfuncional, muito explorado em SOA. Eu sempre fico intrigado com essas histórias de famílias que se comportam de forma estranha e as consequências dessas ações. Isso me empolga muito.

MA – E como é ter a Ellen Barkin como sua mãe na TV? Ela faz uma mãe bem diferente do que estamos acostumados a ver nas séries.

SH – Cara, é uma piração. Eu tenho 40 anos de idade e no final do 3ª episódio eu vou até a cama dela para deitar de conchinha [risos]. É muito maluco e ao mesmo tempo um grande privilégio.

Ellen Barkin em Animal Kingdom
Ellen Barkin em Animal Kingdom

MA – Eu não quero entregar spoilers para o público brasileiro, que ainda não assistiu Animal Kingdom, mas preciso dizer que aquele último golpe, o assalto da season finale, foi simplesmente fantástico. Foi tudo muito criativo, quase que um desses filmes sobre assaltos impossíveis.

SH – Concordo 100% e o cara que dirigiu o episódio, ele era um dos produtores executivos de Southland e dirigiu praticamente 70% de todos os episódios de Southland. Ele é muito talentoso, além de ter sido um episódio escrito pelo próprio John Wells. Eu gosto muito da tensão que foi criada entre os membros da família até o dia do assalto, tanto que os primeiros 15min do season finale são praticamente só com cenas de ação, sem nenhum diálogo. Você fica apreensivo e torcendo para que tudo dê certo. É um episódio maravilhoso.

MA – Ok Shawn, nosso tempo acabou, mas muito obrigado pela conversa e parabéns pelo ótimo trabalho em Animal Kingdom.

SH – Valeu Michel, gostei muito e estou a disposição. Sempre que quiser conversar é só avisar. Já vou te seguir no Twitter.

MA – Brigadão Shawn, foi um prazer.

Animal Kingdom estreia no Brasil amanhã, dia 9 de outubro, às 22h pelo AMC

  • Indignado

    Simpatico demais o grande pope HAHAHAHA
    bela entrevista michel parabens

    • Muchas gracias 🙂 Ele estava realmente num ótimo humor. O tempo passou voando.

  • Val Carnaval

    Sensacional Michel.
    Nunca tinha assistido nada com esse ator, e virei fã com as interpretações dele ao longo da série. Várias cenas tensas que desempenhou com maestria.
    Apesar de AK ter sido uma grata surpresa num todo, Pope foi meu personagem favorito.

    • Brigadão Val 🙂 Recomendo muito Southland. Não sei se você curte séries policias, mas eu não curto e essa me fisgou muito.

      • Val Carnaval

        Adoro série policial (qdo não procedural).
        Você já tinha comentado sobre Southland no Podmaniacos e cheguei coloca-la na geladeira, mas qdo vi a quantidade de eps dei uma desanimada. Hahaha
        Mas prometo que tentarei ver. 😉

      • Walber Lima

        Southland é uma das melhores séries que passaram nos últimos anos para mim. Vale muito a pena, to para ver Animal Kingdom depois de saber no podmaniacos que falaram da finale que era do msm cara de Southland e por ter esse ator que achava o melhor de SOuthland. Espero ter tempo para ver essa série.

  • Marco A

    Boa entrevista Michel, parabéns!
    Adoro a série, vocês podiam fazer reviews dos episódios aqui…

    • Brigadão Marco. Eu também queria muito que tivesse, mas só a Steffi e eu do time assistimos e nós dois já estamos sobrecarregados 🙁 Vou ver se aparece alguém pra 2a temporada.

  • Diogo lopes

    Quem era ele em FTWD ?

    • O militar namoradinho da Ofélia que foi torturado.

      • Diogo lopes

        Ata, Vlw Michel. Adoro seus vídeos no SM play <3

  • Carlos

    Caramba Michel, parabéns pela entrevista. O Shawn é um ator muito talentoso e deixou claro isso no personagem. As cenas dele com a Cath no final, putz, foram tensas. Terminei AK nessa última semana e há bastante tempo uma série não me deixava com um sentimento de ansiedade pelo que estar por vir e tristeza por ter acabado e a próxima temporada ainda estar longe. Talvez o maior mérito de Animal Kingdom esteja no fato de mesmo não tendo cenas de ação com frequência, a carga dramática, principalmente em cima do Pope e da Smurf, compensam qualquer coisa. Espero que eles mudem a abordagem em cima do J, sendo ele o protagonista, deixou a desejar dentro de sua história, porém não se se foi algo proposital.