Big Brother US 18×27: Live Eviction #09

1
138

Como destruir sua imagem.

Previously on Biiiig Brother: Depois de semanas dominando o jogo, Paulie viu tudo ir por terra por causa de Natalie. Depois de indicado, só o Veto poderia salvá-lo, mas o HoH Victor cuidou de vencer e manteve suas indicações intactas.

Estamos no fim da oitava semana de jogo, já tivemos nove eliminações se contarmos com Victor e, à exceção de Glenn, Paulie teve certa influência em todas elas e até aqui estava se sentindo tranquilo quanto ao seu jogo e se comportando (na maior parte do tempo) muito bem com todos. E então veio o tombo.

A partir do momento que se viu do outro lado da arma, o comportamento de Paulie mudou completamente, passando a ser mais agressivo e emocional. Sem controle emocional nenhum, ele passa a agir como se ninguém tivesse o direito de indicá-lo. O ápice da reação infantil vem quando o Big Brother ordena que ele vá cumprir sua punição e ele se nega. Entendo que o programa não poderia simplesmente eliminá-lo por não seguir as regras, mas a sensação de que nada foi feito também não cola bem com a produção do BB. No fim tanto Paulie quanto a produção saem com a imagem manchada de toda a situação.

Ainda bem que a atitude derrotista passa e Paulie resolve tentar se manter no jogo, numa estratégia de defender que deixar um alvo maior na casa pode ajudar a tirar Victor, que é bom em provas. Percebem a falta de lógica? Vou deixar dois bons em provas na casa brigando enquanto eu continuo perdendo todas? Não, obrigado. Fora que depois de um comportamento tão imaturo e egoísta, suas chances de permanecer na casa já são mínimas a este ponto e nenhum pedido de desculpas forçado vai mudar isso.

A eliminação é previsível, but first, temos que dar uma olhada no júri. Certamente um dos melhores momentos da noite é ver Da’Vonne analisando o passo a passo da eliminação de Zakyiah. Tudo que aconteceu estava tão óbvio que ela imediatamente entende que Paulie estava por trás de tudo enquanto a amiga sorri amarelo. Bridgette chega em seguida e as três ficam torcendo pra Paulie ser o próximo.

Na votação, vemos um outro Paulie, mais brincalhão e tentando ser engraçado. O que provoca essa mudança? Provavelmente a noção de que o jogo estava perdido e sair com a imagem de inconstante, mimado, egoísta e mimizento não ia ajudar em nada sua vida pós Big Brother. Com um resultado óbvio, vemos mais alegria forçada por parte de Paulie ao encontrar Julie, mostrando que nada é tão ruim que não possa piorar.

Como Paulie não tinha o Round Trip Ticket, o twist acabou rendendo apenas expectativas e no fim das contas era Paul quem estava salvo o tempo todo. Mas como o reality tem um cronograma a cumprir e dia para acabar, alguém ia ter que voltar ao jogo para arrumar os números, então o anúncio de Julie de que os cinco primeiros membros do júri iriam competir por uma reentrada no jogo não surpreende.

É um twist velho sendo utilizado para remendar a falha de uma versão repaginada dele mesmo, então no fim das contas o efeito vai ser o mesmo. Espero apenas que quem quer que volte (Da’Vonne sempre terá minha torcida) impacte o jogo de maneira relevante, já que nos últimos anos este twist tem sido bem pouco produtivo.

Confissões do Diary Room:

  • Não gosto muito das cenas com ex-participantes que não adicionam nada ao jogo, mas que coisa linda a bebê de Brenchel. Espero mesmo que ela participe de uma temporada, pois isso implica em mais 18 anos de Big Brother.
  • Quando Michelle joga um shade em você sobre ser chorão, tá na hora de rever suas prioridades, Paulie.
  • Quer coisa mais forçada que o beijo de Paulie em Michelle?
  • Então toma: Paulie levantando Julie com um abraço ao sair da casa.
  • Quer falar sobre o Big Brother e conhecer mais gente que acompanha o programa? Venha se juntar a este que vos fala e mais gente legal no Lounge Big Brother no Telegram! É só clicar nesse link e se juntar à conversa!
  • Felipe Jerez

    – Adorei as reações e comentários da Da’ assistindo ao que tinha acontecido, ela podia ter um programa só dela assistindo ao programa todo!

    – Uma pergunta pra produção: Por que quando a Tiffany e a Michelle tiveram crises de choro elas foram retratadas como mimizentas ou loucas pela edição e quando é o Paulie tem música triste e ar de coitadinho?

    – Essa nova prova pra trazer alguém de volta me fez perceber que a produção do BB é mais descontrolada que o Silvio Santos na hora de criar regras novas.

    Ótimo texto Pedro! 😉