2 Broke Girls 6×05: And the College Experience

5
371

Com uma sexta temporada que iniciou de uma forma um tanto morna, tivemos um episódio que de fato foi divertido, de forma que valeu a pena passar os 20 minutos acompanhando. Entretanto, este episódio deixou ainda mais evidente uma falha que eu já tinha percebido a algum tempo atrás.

“Quem é a estraga prazeres agora, vadias?”

Em “And the College Experience”, comecei assistido o episódio sem expectativa nenhuma, já que a cada novo episódio é só mais do mesmo e não existe um atrativo. Para se ter noção do que eu estou dizendo, desde terceiro episódio fizeram piada com o “carrinho” de bebê de Barbara, e isso soa como algo preguiçoso, que não traz frescor, e que faz parecer que a série não tem mais nada a oferecer, apenas piadas batidas.

Entretanto, por mais que fossemos agraciados com mais e mais piadas batidas, algumas funcionaram muito bem, como a questão da Caroline “A Estraga Prazeres”. Descobrir que a personagem era um monitora certinha demais, não era uma novidade, mas que foi divertido de ver toda a sua fama espalhada pela universidade, uns amando, outros odiando.

Mas ver a faceta alcoolizada de Caroline durante o episódio foi simplesmente hilário. Pois a moça certinha, virou uma “periguete” transgressora, e isso foi muito divertido. Beth Berhs simplesmente tomou este episódio para si, já que praticamente Caroline carregou ele nas costas. Não que Max não tenha tido seus momentos, mas Caroline simplesmente brilhou.

E é por isso que prefiro as cabritas.  2 Broke Girls --- And the College Experience
E é por isso que prefiro as cabritas. 2 Broke Girls — And the College Experience

Até Sophie e Oleg tiveram seus momentos divertido, com Oleg tentando criar laços afetivos com Barbara. A explicação de Sophie sobre a relação entre pais e filhas na Polônia foi simplesmente de morrer de rir. Mas nada supera Oleg com seus “seios” artificiais, e Sophie questionando se ele manteve todo o resto. Foi tudo muito divertido.

Mas como eu disse, nem só de bons momentos viveu o episódio. Uma coisa que me chamou atenção foi a questão do timming das piadas quando inseridas em contexto especifíco. A história de Michael Douglas e The Walking Dead foi bem-vindo pelo fato de TWD estar em alta, e assim se pode fazer comentários sobre que vai parecer algo atual. Mas nada tira da minha cabeça que a música sobre “Wharton”, seja uma referência direta a “Work” de Rihanna. Se isso for real, não entendo porque fazer uma piada deste porte quando tudo já passou. Ficou com cara de piada datada, e não foi engraçada. E é isso que eu acho ruim em 2 Broke Girls, eles têm piadas bem interessantes, mas quando são ditas, simplesmente o contexto já mudou e a piada fica simplesmente ultrapassada.

Se a sexta temporada seguir por essa linha que foi o quinto episódio, posso dizer que será uma temporada melhor que as anteriores. Mas vamos aguardar, pois se tem uma coisa que aprendi com a série é a não criar expectativas.

> Veredito da 3ª temporada de Black Mirror!

PS: Eu tenho eu quero conhecer a Polônia

  • Igor Fernando

    Descobrimos que a Sophie é Bruxa pq ela não afundou. Me acabei de rir kkkkkkkkkkkkkkk

    • Iury Viana

      Sophie e suas histórias passadas são sempre hilárias uhauhauhahuauhauhauh

      Obrigado por comentar

  • Kico Moraes

    O episódio foi melhorzinho mesmo mas mesmo assim… Que dificil… Pensando seriamente em largar

    • Iury Viana

      Eu também penso assim… Até cogitei a possibilidade de largar a review, mas vou dar mais um voto de confiança… Espero não me arrepender.

      Obrigado por comentar

      • Kico Moraes

        Antes tinha algumas piadas bem pesadas com drogas e sexo que eu adorava mas ficou tão escorado nisso que perdeu a graça… E a série não evolui, né? Vivem trocando de negócio mas nada vai pra frente, nem os relacionamentos… Uma pena! Até TBBT consegue evoluir dentro das suas repetições.